Projeto de Lei institui a Região Turística Cataratas do Iguaçu e Caminhos ao Lago de Itaipu

Por: | Postado em: 4 de dezembro de 2015

Nesta semana, a Deputada Claudia Pereira apresentou um projeto de lei que visa enaltecer o Turismo do Paraná e que tem como objetivo instituir a Região Turística Cataratas do Iguaçu e Caminhos ao Lago de Itaipu, integrada pelos municípios Céu Azul, Diamante d’Oeste, Entre Rios do Oeste, Foz do Iguaçu, Guaíra, Itaipulândia, Marechal Cândido Rondon, Matelândia, Medianeira, Mercedes, Missal, Pato Bragado, Santa Helena, Santa Terezinha de Itaipu, São José das Palmeiras, São Miguel do Iguaçu, Serranópolis do Iguaçu e Terra Roxa, que traz inúmeros atrativos que são visitados por milhares de turistas. A exuberância do Parque Nacional do Iguaçu, as Cataratas e a Itaipu são cenários de espetáculos do estado e do país e fortalecem o turismo em Foz do Iguaçu e região. A região faz parte da Portaria nº 313, de 03 de dezembro de 2013, do Ministério do Turismo, que definiu o Mapa do Turismo Brasileiro.

O Parque Nacional do Iguaçu é uma unidade de conservação brasileira e nele se encontra um dos mais espetaculares conjuntos de cataratas da Terra, as Cataratas do Iguaçu. Foi criado em 1939, pelo Decreto n° 1.035 e abriga o maior remanescente de floresta Atlântica da região sul do país.

Responsável pela proteção de uma rica biodiversidade e somada à singular e rara beleza das Cataratas do Iguaçu, fazem do Parque Nacional do Iguaçu a primeira Unidade de Conservação do Brasil, a ser instituída como Sítio do Patrimônio Mundial Natural pela UNESCO, em 1986.

Já a Usina Hidrelétrica de Itaipu, que é binacional, fica no Rio Paraná, na fronteira entre Brasil e Paraguai. A barragem foi construída entre 1975 e 1982. A Itaipu Binacional, operadora da usina, é a líder mundial em produção de energia limpa e renovável, tendo produzido mais de 2,3 bilhões de MWh desde o início de sua operação.

Quase 20% de todo o consumo de eletricidade no Brasil vem dela. Já do lado paraguaio são 90%. A Itaipu é gigante em todos os sentidos, sendo a maior do mundo em volume de geração de energia elétrica, ela é formada por uma barragem de 7.919 metros de extensão e altura máxima de 196 metros.

“Por estas razões, acreditamos ser merecedor que a Região Turística Cataratas  do Iguaçu e Caminho ao Lago de Itaipu sejam incluídas no Roteiro Turístico Oficial do Estado do Paraná”, destacou a Deputada.

O projeto de lei irá tramitar pelas Comissões e, em seguida, irá para votação em plenário.